[#VozesFemininas] Lutgarda Guimarães de Caires (1858-1935)

Escritora, poetisa e activista nascida em Vila Real de Santo António, Lutgarda do Livramento Guimarães de Caires (1858-1935) distinguiu-se pela dedicação a causas sociais, defendendo, ao longo da vida, os direitos daqueles que eram marginalizados pela sociedade. Ainda jovem, mudou-se para Lisboa onde, em 1877, casou com Serafim Duarte Soares Coelho, oficial de Infantaria. O marido faleceu em 1889, em Luanda. Nesse mesmo ano, Lutgarda casou em segundas núpcias com o advogado madeirense João de Caires, um dos fundadores da Sociedade de Propaganda de Portugal. Iniciou a sua carreira literária com um livro de poesia: Glicínias (1910). Escreveu também contos, teatro e um romance.

Marcada indelevelmente pela perda de uma filha, passou a visitar as crianças doentes no Hospital D. Estefânia, oferecendo-lhes brinquedos, doces e roupas, e promoveu o Natal das Crianças dos Hospitais, evento que mais tarde viria a alargar-se a todos os doentes hospitalizados, dando origem ao Natal dos Hospitais, ainda hoje exibido anualmente pela RTP. A sua filantropia valeu-lhe a Ordem de Benemerência, atribuída pelo Governo português em 1931. Morreu na sua casa, na Avenida da Liberdade, vítima de cancro da mama.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.