Pessoa e Borges em Lisboa

Pessoa e Borges em Lisboa

Para além de vorazes leitores de Omar Khayyam e de William Shakespeare ou de poetas que souberam cultivar o universal no realismo local (Cesário Verde e Evaristo Carriego), Jorge Luis Borges e Fernando Pessoa partilharam numerosas paixões literárias. Sem sabê-lo, talvez, ambos viriam a corresponder-se com escritores espanhóis como Isaac del Vando Villar, entre outros; e em Maio de 1924 até caminharam nas ruas da mesma cidade, Lisboa – circunstância que inspiraria Vasco Graça Moura na composição do poema «o encontro». Reunidos à volta de Borges e de Pessoa, seis críticos literários de diversas nacionalidades estabelecerão paralelos e aproximações entre estas duas obras inesgotáveis.
 
Organização: Diego Gimenez (CLP, Universidade de Coimbra) e Patricio Ferrari (CEC, Universidade de Lisboa / Department of English, Stockholms universitet).
 
Programação:
 
Pessoa & Borges: Blending Milton
Patricio Ferrari
 
Realidade e representação em Pessoa, Borges e Berkeley
Diego Giménez
 
O idealismo de George Berkeley em Fernando Pessoa e em Jorge Luis Borges
Roberto Rolandone
 
Pessoa, Borges e Khayyam
Fabrizio Boscaglia
 
O arquivo de Babel: Os espaços infinitos do Livro em Fernando Pessoa e Jorge Luis Borges
Sandra Bettencourt
 
Pessoa e Borges, uma amizade metafísica
Pablo Javier Pérez López.
 
Casa Fernando Pessoa | 24 de Março | 18h00

Entrada livre no limite dos lugares disponíveis.